Interpretação simultânea
Por interpretação simultânea entende-se a tradução imediata de uma língua de partida para uma língua de chegada. É uma forma di interpretação que exige concentração e rapidez de reflexos, pelo que, se a sessão durar mais de uma hora, os intérpretes têm obrigatoriamente de ser dois, a fim de lhes permitir revesar-se cada meia hora, aproximadamente, para manter um nível de concentração constante. Em geral, cada par de intérpretes trabalha em cabina insonorizada, dotada de um equipamento próprio.
O auditório ouve através de fones de ouvido.
Interpretação consecutiva
Na interpretação consecutiva, o auditório não necessita de fones de ouvido.
O intérprete encontra-se, em geral, ao lado do orador e faz anotações com uma técnica apropriada, em parte aprendida no decorrer dos estudos, em parte personalizada com a experiência. A interpretação consecutivo pressupõe a alternância entre orador e intérprete, com intervalos que podem variar de poucas frases, até um limite máximo de 10 minutos.
Chuchotage (interpretação sussurrada)
A interpretação sussurrada é uma técnica a que se recorre quando as pessoas para as quais é necessária a tradução dos oradores são apenas duas ou três.
O intérprete encontra-se ao lado ou atrás dos ouvintes e sussurra-lhes a tradução na língua de chegada.
Interpretação de negociações
Recorre-se à interpretação de negociações, em geral, nos encontros de negócios entre grupos restritos de pessoas, nas negociações comerciais, em entrevistas coletivas, em situações de cursos, capacitação/formação sobre maquinaria, etc.